Avançar para o conteúdo principal

00 Seeds

00 Seeds
Medical Strains

Lei nº 30/2000 Quinze anos depois



Faz quinze anos que Portugal decidiu fazer história no tema substâncias, a partir desse momento os consumidores começaram a ser tratados mais humanamente.

Ainda que esteja muito por fazer, esse foi um grande passo, pois atravessava-mos um grave problema de adição, não precisamente de Cannabis mas sim de substâncias pesadas e mais precisamente as doenças que resultavam do uso delas.

A partir desse dia o País melhorou para todos, os que consomem e os que não consomem, afinal trata-se de um problema de saúde pública que ficou muito melhorado com as medidas adotadas.

O que é a Lei nº 30/2000? (consultar lei)

"SUMÁRIO
Define o regime jurídico aplicável ao consumo de estupefacientes e substâncias psicotrópicas, bem como a protecção sanitária e social das pessoas que consomem tais substâncias sem prescrição médica"
 
Esta Lei visa a não criminalização dos consumidores de substâncias, deixando de ser crime consumir ou portar substâncias para consumo próprio num determinado tempo (10 dias).
 
As sanções passam a ser muito mais suaves, em muitos casos resolvem-se com a ida para um tratamento e ou acompanhamento profissional (IDT).
 
Algumas vezes estas sanções podem nem ser aplicadas, ou revogadas, por exemplo no caso da Cannabis, se um cidadão é interceptado com alguma Cannabis mas tem um problema de saúde em que sai beneficiado pelo uso da mesma e o poder comprovar pode ser que as coisas fiquem como estão.

Como a Lei 30/2000 podia melhorar?
 
Vamos falar apenas sobre o caso da Cannabis, a Lei podia melhorar se começassem a ser emitidas licenças legais para os consumidores medicinais no mínimo. Ou seja, essas pessoas (doentes) poderiam consumir e ou portar erva sem sanções.
 
Também, o Estado Português deveria obrigatoriamente por um plano de estudos sobre o tema em marcha, tentar encontrar uma forma de regulamentar o acesso a substância que facilita-se a vida a todos, que protege-se o consumidor, que o mesmo tivesse acesso a uma substância controlada e limpa, que origina-se receita para beneficiar o País, e que reduzi-se os custos dos problemas que origina este tema, além do mais que apenas pessoas com mais de 18 anos tivessem acesso a substância.
 
Então quinze anos depois ainda falta muito trabalho, no entanto ao longo deste tempo somos uma referência para o resto do Mundo quando se fala no tema substâncias.

Comentários

Vaponic

Mensagens populares deste blogue

Guia Cultivo Automáticas

Vamos falar um pouco sobre automáticas.
Auto-Flower, como o nome indica, a floração acontece automaticamente, sem necessitar de reduzir o número de horas de luz.
Quando elas apreceram pela primeira vez, ninguém as achava boas, e na verdade não eram grande coisa, mas tinham algo rico nos seus genes, porém eram muito baixas e pouco produtivas.
Os seus genes não davam para esquecer o assunto, e então, começou uma nova revolução verde, começaram os trabalhos de hibridação, testes, cruzes infinítos etc.
A medida que o tempo passou, e as automáticas foram parar ás mãos de cultivadores que sabem o que fazem, começou a segunda parte da revolução automática, com bons resultádos, e com um pouco de bom marketing as automáticas passaram de plantas sem interesse, a top de vendas.


Como não necessitam de redução do horário de luz, são mais resistentes a temperaturas frias, e estam prontas num tempo record, tornaram-se as plantas perfeitas para os cultivadores inexperientes.
Fáceis de alimentar, na …

Obama fala sobre a Canábis

Numa Entrevistao Ex presidente Americano Obama falou sobre a Canábis, dizendo que acima de tudo apoia a ideia de desencorajar qualquer abuso de substâncias.

Porém ele diz ainda que pensa que este tema é um problema de saúde pública, e que se devia tratar como o tabaco ou o álcool, regulando para se ter um melhor controlo da situação.

O Ex presidente fala ainda sobre o trabalho da DEA dizendo que são eles que fazem as leis sobre drogas e que nem sempre vão estar na vanguarda das questões.

Agora que mais estados têm vindo a aclarar melhor este tema, legalizando inclusive o tema do consumo recreativo, justifica-se que se converse mais que nunca sobre o tema, o que falhou, o que deve ser feito, e vozes como a do Ex presidente são essenciais para se perceber qual é o caminho.

Auto Bubble Gum

Auto Bubble Gum


Esta automática é um verdadeiro híbrido estável, e uma das variedades mais vendidas do banco pelas suas peculiares qualidades.

A genética é Bubble Gum em versão auto, na maioria das vezes é maioritariamente indica, e fomos aos fóruns comprovar que os cultivadores ficam muito satisfeitos com a produção final que é bastante alta para uma automática.

O cheiro e sabor a morangos e também a frutas (frutado) do bosque são outra das qualidades muito apreciadas, deixando os consumidores rendidos a esta variedade.

O efeito é misto, potente cerebral inicialmente e corporal depois de algum tempo, com uma potência exagerada para uma automática.

Com um THC de 12% ela finaliza muito precocemente, dependendo das condições pode terminar em pouco mais de 60 dias, evitando custos das variedades automáticas mais longas.

Foto: 00 Seeds